Questões sobre Fonologia

Lista completa de Questões sobre Fonologia para resolução totalmente grátis. Selecione os assuntos no filtro de questões e comece a resolver exercícios.

Tirinha para as questões 8, 9 e 10.

Em qual das alternativas pode ser encontrada uma onomatopeia?

  • A.

    “E você amiguinho”

  • B.

    “...Eu morri!”

  • C.

    “Do mesmo jeito”

  • D.

    “...Puf!”

Assinale a substituição proposta para os diálogos abaixo que desrespeita a correta morfossintaxe do padrão formal escrito da língua portuguesa.

  • A.

    Você chega lá e diz (l.4)

    Você se apresenta ao funcionário da Receita Federal e afi rma.

  • B.

    Se bate ou não bate, se tem regularidade ou não, é outro problema. (l.5 e 6)

    Se dá certo ou não, sendo regulares ou não, é outra questão.

  • C.

    E você: E daí? Não tem nada demais. (l.8)

    E você retruca: – Que importância tem isso? Não há nenhum problema nisso.

  • D.

    Não vai colar, não é mesmo? Mas na Justiça Eleitoral cola. (l.11 e 12)

    O argumento não será aceito, certamente. Contudo, na Justiça Eleitoral ele o será.

  • E.

    mas declarou tudo na prestação de contas – está limpo.(l.14 e 15)

    mas declarou o que arrecadou e o que gastou

    na prestação de contas – está quite com a Justiça Eleitoral.

Analise as afirmativas abaixo sobre o trecho em destaque e, em seguida, assinale a alternativa correta.

Hortelã é verde. Verde é a cor do dólar. O dólar é a moeda dos Estados Unidos. Os Estados Unidos são governados por George Bush. Bush é louco. A loucura foi questionada por David Cooper. Cooper foi um antipsiquiatra. A antipsiquiatria foi boicotada na Itália. A Itália tem igrejas maravilhosas. Maravilhosas também são as mesquitas do Cairo medieval.

I. O trecho não possui elementos coesivos.

II. O trecho não se constitui num texto.

III. As palavras igrejas e mesquitas fazem parte do mesmo campo lexical.

  • A. somente I está correta
  • B. somente II está correta
  • C. somente III está correta
  • D. somente I e II estão corretas
  • E. somente II e III estão corretas

O estudo dos aspectos fonológicos de uma língua consiste em

  • A. examinar a forma e a função das palavras de uma dada língua.
  • B. repertoriar as unidades que constituem o vocabulário da língua.
  • C. analisar os processos de formação dos vocábulos de uma dada língua.
  • D. descrever e analisar os sons da linguagem do ponto de vista de sua função no sistema da comunicação lingüística.

 

 

Está correta a forma de ambos os elementos sublinhados na frase:

  • A.

    Ela não nos disse por que razão tornou-se uma otimista; e se ela tornar ao seu pessimismo, será que nos explicará por quê?

  • B.

    A razão porque muitos se tornam pessimistas está no mundo violento de hoje; por quê outra razão haveriam de se desenganar?

  • C.

    "Por que sim": eis como respondem os mais impacientes, quando lhes perguntamos porque, de repente, se tornaram otimistas.

  • D.

    Sem mais nem porquê, ele passou a ver o mundo com outros olhos, dizendo que isso aconteceu por que encontrara a verdade na religião.

  • E.

    Não sei o por quê do seu pessimismo; porque você não me explica?

As questões de números 1 a 20 referem-se ao texto que segue.

Está clara, correta e coerente a redação da frase:

  • A. Por considerar oportuna a frase de Disraeli, a combativa juíza citou-a, num programa de TV, referindo-se à desenvoltura com que agem os malfeitores.
  • B. É tamanha a desenvoltura que se investem os malfeitores, que a ousada juíza não hesitou de citar uma frase de Disraeli na TV a propósito desse tema tão atual.
  • C. Em vista de ser tão atual a propagação das ações de má fé, a destemida juíza entendeu por bem de citar na TV uma frase de Disraeli, em cuja percebe um vivo sentido.
  • D. Há frases, como a de Disraeli, que falam da atualidade desenvolta com cuja costumam agir os canalhas, por isso a valorosa juíza citou-a, com tal propósito, num programa de TV.
  • E. Os canalhas têm grande ousadia, segundo Disraeli, por isso a combativa juíza citou-a, num programa de TV, ao considerar na oportunidade o quanto a mesma é atual.

As questões de números 1 a 10 baseiam-se no texto apresentado abaixo.

 

Considerando-se ortografia, acentuação gráfica e sinal de crase, a frase inteiramente correta é:

  • A.

    Na agricultura orgânica, os fertilizantes de laboratório cedem lugar a adubos naturais, tais como esterco e restos de vegetação.

  • B.

    A agricultura orgânica passou a ser vista como algo menos nossivo a natureza, o que condiz com a atual conciência ecológica.

  • C.

    Ao invez de pesticidas sintéticos no combate à pragas da lavoura, surgiu a noção de se utilizarem predadores vivos, como vespas e joaninhas.

  • D.

    Graças as descobertas biológicas ressentes, é possível controlar as pragas com insétos que impedem sua disseminação nas plantações.

  • E.

    Resíduos tóxicos em alimentos produzidos pelo método convensional podem provocar, desde um simples mau-estar, até graves doenças.

O texto a seguir é referência para as questões 01 a 03.

O texto acima apresenta a resposta de Susan Sontag a uma pergunta feita pelo entrevistador da revista Veja. Considere as seguintes propostas de pergunta que poderiam ser usadas para completar esse trecho da entrevista:

1. Exposição demais à violência por meio de fotos e imagens de televisão podem levar as pessoas à indiferença e à passividade?

2. Exposição demais à violência por meio de fotos e imagens de televisão pode levar as pessoas à indiferença e à passividade?

3. Exposição demais a violência por meio de fotos e imagens de televisão podem levar as pessoas a indiferença e a passividade?

 4. Exposição demais à violência por meio de fotos e imagens de televisão pode levar às pessoas a indiferença e a passividade? Estão de acordo com a gramática normativa da língua portuguesa:

  • A.

    somente 1

  • B.

    somente 2.

  • C.

    somente 1 e 3.

  • D.

    somente 3

  • E.

    somente 2 e 4.

Na frase "Hoje acredito que isso não é necessariamente verdade", o termo sublinhado significa que se trata de uma declaração que

  • A.

    deixou de ter utilidade

  • B.

    não se aplica a todos os casos.

  • C.

    é o oposto daquilo em que a autora acreditava

  • D.

    é falsa.

  • E.

    não precisa ser considerada verdadeira.

Em todas as alternativas abaixo o erro de grafia pode ser explicado como decorrência do modo como a palavra é pronunciada por quem a escreve, EXCETO:

  • A.

    excessão (em vez de exceção)

  • B.

    campião (em vez de campeão)

  • C.

    cabelerero (em vez de cabeleireiro)

  • D.

    sombrancelha (em vez de sobrancelha)

Provas e Concursos

O Provas e Concursos é um banco de dados de questões de concursos públicos organizadas por matéria, assunto, ano, banca organizadora, etc

Parceiros

Caso deseje ser um parceiro entre em contato.

questões de concurso

{TITLE}

{CONTENT}

{TITLE}

{CONTENT}
Provas e Concursos
0%
Aguarde, enviando solicitação!

Aguarde, enviando solicitação...