Questões de Desenho Industrial da Fundação Getúlio Vargas (FGV)

Lista completa de Questões de Desenho Industrial da Fundação Getúlio Vargas (FGV) para resolução totalmente grátis. Selecione os assuntos no filtro de questões e comece a resolver exercícios.

No parque gráfico brasileiro, o formato de fábrica de papel mais comum para o processo de impressão de folhetos e cartazes, excetuando-se as bobinas, que deve ser tomado como padrão em caso de cálculo para um formato final econômico do impresso é:

  • A.

    o formato 2B, que mede 66cm x 96cm.

  • B.

    o formato 2A, que mede 76cm x 112cm.

  • C.

    o formato A4, que mede 21cm x 29,7cm.

  • D.

    o formato americanão, que mede 89cm x 119cm.

  • E.

    o formato 2A, que mede 66cm x 96cm.

Observe as especificações técnicas a seguir:


Das alternativas abaixo, qual a que mais provavelmente se encaixa nessas especificações?

  • A.

    Um fôlder em policromia, com elementos visuais com acabamento brilhante apenas numa das faces e na outra apenas a própria impressão.

  • B.

    A capa de um livro, colorida, com áreas brilhantes e orelhas.

  • C.

    Duas páginas-padrão de uma revista colorida, prevendo-se inclusão de um encarte.

  • D.

    Um cartaz em cores, prevendo-se sua entrega pela gráfica já dobrado para distribuição.

  • E.

    Um fôlder em policromia, formado por cinco lâminas em cada face, sendo que em uma delas a policromia será acrescida por detalhes em acabamento brilhante, prevendo-se sangramento.

Assinale a afirmativa incorreta.

  • A.

    "Barriga" ou "bojo" são as formas arredondadas que definem o formato básico do tipo em maiúsculas como B, D e P e em minúsculas como o, p e d.

  • B.

    "Hastes" são os elementos verticais dos tipos, podendo ser ascendentes (como nas minúsculas d, l e h) ou descendentes (como nas minúsculas p e q)

  • C.

    "Corpo" define a altura do caractere tipográfico, medido em pontos a partir de seus elementos mais distantes da linha de base (no caso de A, por exemplo, ele vai do ápice às serifas inferiores).

  • D.

    Ligaturas são caracteres formados em geral por duas ou mais letras, de modo a prover o designer de variações tipográficas que dêem maior dinâmica e refinamento à composição.

  • E.

    O termo "entrelinha" se refere à distância entre a linha de base de uma linha e a da linha seguinte, normalmente medida em pontos.

Assinale a alternativa que reúne nomes da história da tipografia que se tornaram expressivos por terem produzido famílias tipográficas típicas da época de cada um.

  • A.

    Le Corbusier, Peter Saville e Zuzana Licko

  • B.

    Aloísio Magalhães, David Carson e Piet Mondrian

  • C.

    Herb Lubalin, Le Corbusier e Piet Mondrian

  • D.

    Adrian Frutiger, Claude Garamond e Zuzana Licko

  • E.

    Adrian Frutiger, David Carson e Neville Brody

O termo "mancha gráfica" se refere:

  • A.

    à área estabelecida pelo centro ótico da superfície projetual.

  • B.

    à área definida pelas margens da página e onde se concentram os elementos visuais, exceto aqueles "sangrados".

  • C.

    à área ocupada na página pelos elementos "sangrados", rompendo com a grade-padrão.

  • D.

    à área ocupada pelos elementos visuais de maior peso no layout.

  • E.

    à área ocupada pelos elementos que disputam com o centro ótico a atenção do leitor, estabelecendo uma tensão perceptiva.

Segundo o livro O que é [e o que nunca foi] design gráfico, um comprovante de compra por cartão de débito, impresso eletronicamente em maquineta própria a partir do registro da senha do cliente, não pode ser classificado como tendo sido projetado no campo do design gráfico porque:

  • A.

    não se configura sequer num projeto, já que seus aspectos simbólicos o invalidam como tal.

  • B.

    seus aspectos funcionais diferem daqueles do design gráfico, já que se trata de um simples comprovante emitido eletronicamente, sem o uso de elementos visuais não-textuais.

  • C.

    não se ajusta aos aspectos formais que caracterizam o design gráfico, visto que sua saída é eletrônica e individualizada para cada cliente.

  • D.

    nos aspectos metodológicos, estaria mais adequado aos campos da engenharia eletrônica ou da computação, e seus aspectos simbólicos não estão priorizados na projetação.

  • E.

    os aspectos simbólico-objetivos se contrapõem aos aspectos funcionais do impresso, que se caracteriza por aspectos formais diversos daqueles que caracterizam o design gráfico.

O livro Ergonomia do objeto estabelece alguns princípios projetuais para a elaboração de impressos, como folhetos, jornais, cartazes e livros. Tais princípios:

  • A.

    são fundamentais para a viabilidade da comunicação e não devem ser ignorados caso seja este o objetivo do projeto.

  • B.

    não são adequados ao exercício do design gráfico, visto que os fatores ergonômicos são prioritários no design informacional, mas não devem ser considerados em impressos voltados para sua veiculação em mídia.

  • C.

    são critérios ergonômicos cuja adoção deve ser avaliada de acordo com a situação de projeto e o público a ser atingido.

  • D.

    constituem a base inicial da metodologia de projeto, fazendo com que o desrespeito a tais princípios ergonômicos gere projetos inadequados.

  • E.

    pertencem a paradigmas hoje considerados ultrapassados e ineficientes para a produção de impressos no âmbito do design gráfico, dada a hiperextensão mediática e o papel das subculturas identitárias.

Analise as afirmativas que se seguem, todas relativas ao sistema de grade (ou malha, ou "grid"):

I. Trata-se de uma ferramenta projetual que agiliza a projetação de layouts para impressos paginados e pode assegurar a unidade formal concomitantemente à pluralidade de soluções aplicadas às páginas.
II. Trata-se de um recurso técnico que pode garantir a harmonia, o equilíbrio e a unidade da solução de layout, sendo seu uso essencial para qualquer projeto que busque a eficiência comunicacional aliada à coerência formal.
III. Trata-se de um recurso herdado ainda da estética clássica, especialmente da pintura e da arquitetura renascentistas, adequado para impressos com layouts que busquem sobriedade e rápida comunicação, estando hoje praticamente em desuso, exceto em projetos de design informacional.

Assinale:

  • A.

    se apenas a afirmativa I estiver correta.

  • B.

    se apenas a afirmativa II estiver correta.

  • C.

    se apenas as afirmativas I e II estiverem corretas.

  • D.

    se apenas as afirmativas I e III estiverem corretas.

  • E.

    se todas as alternativas estiverem corretas.

Em Layout: o design da página impressa, o Art Nouveau é caracterizado pelo autor como um prelúdio à emergência do design gráfico, não sendo incluído nesse campo em sua periodização. A principal argumentação utilizada para sua qualificação como "prelúdio" - e que é comum em outras obras que tratam desse período sob o ponto de vista do design - é a de que:

  • A.

    a maioria dos impressos projetados pelos adeptos do movimento era reproduzida por litografia, um processo que, por seu aspecto artesanal, invalida tais produções como efetivamente pertencentes à esfera do design gráfico.

  • B.

    os projetos típicos do período possuem pontos em comum com o campo do design gráfico – inclusive no que concerne ao uso de ornamentos, mesmo que de forma excessiva –, mas sua produção se caracterizava por processos de impressão artesanais.

  • C.

    a maior parte dos adeptos do Art Nouveau era composta por artistas, o que caracteriza tal produção como mais pertencente à esfera da arte do que ao campo do design gráfico – e isso se reflete no próprio layout dos impressos do período.

  • D.

    tais projetos não se ajustam aos quatro aspectos que caracterizam o design gráfico, conforme estabelecidos em outra obra que consta na bibliografia sugerida neste concurso.

  • E.

    ainda que o autor ressalve que a decoração é uma influência persistente na comunicação visual, o decorativismo – ou seja, o privilégio dado aos elementos ornamentais e seu excesso nos layouts – não se coaduna com o design gráfico, argumento que evidencia a influência do paradigma funcionalista no enfoque adotado no texto.

Provas e Concursos

O Provas e Concursos é um banco de dados de questões de concursos públicos organizadas por matéria, assunto, ano, banca organizadora, etc

Parceiros

Caso deseje ser um parceiro entre em contato.

questoes de concurso

cupom de desconto

body feminino

pci concursos

bendito guia

{TITLE}

{CONTENT}

{TITLE}

{CONTENT}
Provas e Concursos
0%
Aguarde, enviando solicitação!

Aguarde, enviando solicitação...